PT elege vice-prefeita para coordenar Associação de Prefeitos, prefeitas e vices do partido

Preta Associação pref PT (480x334)

O PT/RS elegeu a nova Coordenação de prefeitos, prefeitas e vices do partido para 2013, no Seminário promovido no dia 24 de novembro que reuniu os eleitos em 2012. O partido elegeu, pela primeira vez, uma mulher para coordenar sua Associação, a vice-prefeita de Alegrete Preta Mulazzani. Abaixo leia a entrevista com a Vice-prefeita, onde ela fala dos projetos e dos compromissos para 2013 da instância petista.

1) Qual a importância de uma mulher na coordenação da Associação de Prefeitos e vices do PT gaúcho?

Representa o amadurecimento do Partido dos Trabalhadores, que efetiva na prática a valorização das mulheres nos espaços de poder. Acredito q a eleição da Presidenta Dilma trouxe para todos nós, homens e mulheres, a certeza de que o poder político também pode ser feminino. agradeço aos prefeitos e vices, bem como, aos seus campos políticos o apoio para representá-los, mesmo as mulheres sendo ainda minoria como prefeitas e vices.
2) Quais os objetivos para 2013?
Pretendemos a partir do planejamento de ações com o Colegiado de prefeitos e vices que compõem a coordenação aproveitar o momento politico  (presidência da FAMURS, governo estadual e federal) que vivemos para articulação e integração destes, no que se refere aos recursos públicos, planos de desenvolvimento regional e integrado, consórcios municipais, fortalecendo as relações federativas, em especial, diálogo com Governo Tarso fortalecendo nosso projeto político para o estado do RS. Consideramos tb fundamental apoiar e instrumentalizar os novos prefeitos e vices na gestão municipal, na troca de informaçoes e experiências exitosas onde o PT governa. Descentralizar os encontros e seminários por regiões do PT.

3) Uma mulher, vice-prefeita, na coordenação trará uma visão mais ampla das administrações? Que papel tem o PT como indutor de projetos nas prefeituras onde somos vices?

Acredito que o exercício de vice nos governos municipais pode trazer uma visão mais ampla, em especial, da possibilidade de permanentemente fazer a mediação política por dentro do governo, para efetivamente avançar como indutor de projetos para seus municípios, a partir das relações com governo estadual e federal. Vice precisa dialogar mto, respeitar e construir sempre com seu ou sua prefeita as ações políticas.

NOMINATA DA ASSOCIAÇÃO:

Coordenadora  vice-prefeita de Alegrete, Maria de Fátima Mullazzani (Preta)
Integrantes:  prefeito de Taquari, Manoel Hassen de Jesus (Maneco);  vice-prefeito de Ijuí, Ubirajara Teixeira;  prefeito de Alvorada, Sérgio Bertoldi;  prefeito de Vacaria, Elói Poltronieri;  vice prefeito de Venâncio Aires, Giovani Wickert; e  prefeito de Candiota, Luiz Carlos Folador.

Currículo:
MARIA DE FÁTIMA CASTRO MULAZZANI (Preta Mulazzani), casada, mãe de dois filhos, graduada em Fisioterapia pela Universidade Federal de santa Maria, especializou-se em “Saúde Mental Coletiva”, na URCAMP Campus Bagé. Eleita Vereadora em 2000, centrou seu mandato na luta e defesa dos Direitos Humanos, da Saúde Pública e da proteção do Meio Ambiente. Em 2004 teve o reconhecimento da população com a reeleição de seu mandato, e desde 2005 vem afirmando políticas públicas de inclusão social na sua caminhada política. Foi eleita em 2008, Vice-Prefeita de Alegrete, na Coligação Paixão por Alegrete, (PMDB e PT). Em 2012, este projeto político teve aprovação da população e Preta foi reeleita Vice-Prefeita de Alegrete. Atua no seu fazer Político, acreditando na mobilização permanente da sociedade contra a violência e em defesa da vida.

Na foto: Mesa diretora do Seminário, e a vice-prefeita de Alegrete, Preta Mulazzani – ao microfone – ao assumir a coordenação da Associação.