Em Brasília, Tarso Genro comenta a possibilidade de uma Constituinte

Tarso Midia

Após o anúncio de Dilma Rousseff (PT) na tarde desta segunda-feira (24), no qual a presidenta propôs a realização de uma reforma política através de uma Assembleia Constituinte, o governador Tarso Genro (PT) também comentou as tratativas.

No encontro que reuniu 27 governadores e 26 prefeitos de capitais brasileiras em Brasília, Tarso Genro defendeu que “abrimos hoje no país um processo de alta envergadura, de potência política extraordinária, para fazer a reforma política, que pode abrir a possibilidade de outras reformas para o país do futuro”.

Tarso também afirmou que ainda neste ano deputados poderão ser eleitos para a Assembleia Constituinte. Na proposta da reforma política, um dos que pontos que pode surgir é a possibilidade de candidaturas independentes aos partidos políticos.

“Eu coloquei a proposta (das candidaturas sem partido) na reunião que precedeu o encontro mais amplo, e a presidente disse que a ideia é boa, mas gostaria que isso fosse decidido no próprio processo convocatório, ou seja, na consulta plebiscitária”, acrescentou o governador.