Tarso participa de encontro com militantes dos partidos aliados em Santa Rosa

DSC_0098

Encontro reuniu cerca de 400 militantes de partidos da base aliada


O governador e pré-candidato à reeleição do PT ao governo do Rio Grande do Sul, Tarso Genro, participou na noite de hoje (25) de uma atividade com lideranças e militantes dos partidos que compõem a base aliada estadual. O presidente do PT/RS, Ary Vanazzi, também participou do encontro, que teve na mesa a coordenação do vice-prefeito de Giruá, o petista Mentges, a presença do deputado federal Elvino Bohn Gass (PT) e dos deputados estaduais Jeferson Fernandes (PT) e Aloísio Classmann (PTB), além da representação dos partidos presentes (PCdoB, PPL, PR, PRB, PTB e PTC). O encontro reuniu cerca de 400 pessoas no ginásio do Colégio Dom Bosco.

Com Tarso e o PT, Rio Grande do Sul é o estado que mais cresce e o que tem o menor desemprego
Ao comparar o atual governo com os dois governos anteriores, Tarso elencou as políticas que fizeram o Rio Grande do Sul ser o estado brasileiro que mais cresceu em 2013 (6,8%) e ostentar a menor taxa de desemprego da história (3,2%). Para o governador, a retomada de uma política de investimentos nacionais e internacionais; o sistema de participação popular e o diálogo direto com a sociedade e; a visão de Estado promotor de políticas públicas que combine desenvolvimento econômico e social foi fundamental para o êxito do governo.

Tarso: Candidata da mídia conservadora não sobrevive ao debate político
Também na avaliação do governador Tarso Genro, o desespero e a falta de candidatos e projetos da direita conservadora fez com que esse setor buscasse uma candidata na grande mídia. “É uma senhora que não conhece o Rio Grande, da direita neoliberal. Algumas pesquisas podem até indicar uma situação conjuntural, mas é uma candidatura que não sobrevive a uma campanha, não resiste a um debate”, disse Tarso.

Vanazzi: Reafirmar o Rio Grande com Dilma e Tarso
Em seu discurso, o presidente Ary Vanazzi recordou das oportunidades perdidas pelo Rio Grande do Sul nos governos anteriores de Rigotto e Yeda que não aproveitaram a oportunidade de crescer junto com o Brasil nos oito anos do governo do presidente Lula e ressaltou a importância de ter novamente a continuidade da aliança estadual com o governo nacional com Tarso e Dilma. Para Vanazzi, é a hora de a militância reafirmar este Rio Grande vencedor que o governador Tarso Genro e a presidenta Dilma Rousseff estão construindo.