Campanha de Dilma lança página para arrecadar doações populares

Da Agência PT de Notícias 

A campanha para reeleição da presidenta Dilma Rousseff disponibiliza, a partir desta segunda-feira (04), o site doeagora.dilma.com.br para receber financiamento popular. A página tem uma ficha cadastral simples e ao final é possível contribuir. Não há valor mínimo O formato de contribuição, conhecido como crowdfounding, é uma iniciativa pela qual diversas pessoas contribuem com uma quantia financeira por um interesse comum, para viabilizar a ideia que acreditam ser positiva para a comunidade.

Este tipo de ação é importante porque aumenta o poder do povo, expande as formas de participação popular e é uma demonstração de sistema democrático. Nos últimos anos, o financiamento coletivo tem ganhado espaço na viabilização de filmes e álbuns independentes, livros de quadrinhos, games, projetos inovadores, desenvolvimento de software livre e campanhas políticas.

Um exemplo de utilização de financiamento coletivo para campanhas políticas foi a campanha do presidente Norte-Americano, Barack Obama. Ainda em 2008 ele fez uso da iniciativa para conseguir fundos para a sua campanha presidencial. Pelo Facebook, a campanha usou um aplicativo conhecido como Mobilize, pelo qual qualquer pessoa podia apoiar financeiramente o candidato com uma quantia equivalente a R$30.

No ano passado a presidenta do Chile, Michelle Bachelet, também usou o sistema de financiamento coletivo em sua campanha. Cada pessoa podia ajudar por meio da internet, depositando diretamente em uma conta aberta no nome da presidenta, ou por meio de quiosques espalhados por Santiago. O objetivo é possibilitar que as mudanças que começaram há 12 anos com o ex-presidente Lula e que continuam com a presidenta Dilma não parem.