Reunião ampliada do Diretório Estadual do PTRS vai indicar nomes de pré-candidatos para 2018

24774758_1779033632121007_5815119871802032261_n

O PT do Rio Grande do Sul realiza a partir das 14 horas do próximo sábado (9), no Hotel Embaixador, uma reunião ampliada de seu Diretório, quando serão anunciados, entre outras decisões importantes, os nomes indicados como pré-candidatos para concorrer ao Piratini e ao Senado em 2018. Além dos dois indicados, o ex-ministro e ex-vice-governador do estado, Miguel Rossetto, e o senador Paulo Paim, estarão presentes os ex-ministros e ex-governadores Olívio Dutra e Tarso Genro. A presidenta Dilma está impossibilitada de comparecer em razão de uma agenda previamente marcada no Uruguai.

A expectativa do presidente do PTRS, deputado Pepe Vargas, é de que a reunião seja o primeiro passo na construção da estratégia eleitoral de 2018, “decisiva para os destinos do Brasil e do Rio Grande, para o futuro do PT e da esquerda, para retirar a classe trabalhadora da defensiva e renovarmos um projeto de desenvolvimento que distribua a riqueza, resgatando e aprofundando a democracia”.
Além dos dois nomes locais e da aclamação do nome de Lula como pré-candidato a Presidente, o encontro deverá avaliar e aprovar documento com propostas para uma plataforma em comum no campo popular e democrático. Parte das propostas foram elaboradas, depois de análise de conjuntura, com contribuições da presidenta Dilma, de Olívio, de Tarso e de Rossetto, colhidos durante reuniões com a Executiva do PTRS. O Partido também está buscando a participação popular para elaborar propostas, por meio da plataforma “O Brasil e o RS que o Povo Quer”, criada pelo PT Nacional.
A reunião vai tratar, ainda, da Resolução de Orientação sobre as candidaturas proporcionais e dar posse aos novos titulares das Coordenações Regionais.
À noite haverá jantar de confraternização de final de ano na Churrascaria Roda de Carreta