NOTA: Senadora fere decoro parlamentar ao aplaudir violência

O Partido dos Trabalhadores do Rio Grande do Sul vem à público repudiar a manifestação da senadora Ana Amélia Lemos em relação à violência que milícias fascistas promoveram contra a Caravana do ex-presidente Lula no nosso Estado.

Ao elogiar estes atos violentos a senadora do PP faz apologia e incita o crime. Não eram manifestantes contrários, mas criminosos, munidos de barras de ferro, correntes, tacos de beisebol, pedras, rojões, relhos, facas e até mesmo armas de fogo, que por se saberem grupos minoritários utilizavam a tática de tentar bloquear estradas. Não lograram sucesso, pois Lula falou e foi recebido com carinho por milhares de gaúchos e gaúchas.

A senadora ultrapassou o limite do convívio democrático ao aplaudir iniciativas que atentaram contra a integridade física dos integrantes da comitiva e da população que participava dos atos. Envergonha o Rio Grande do Sul ao parabenizar grupos que agrediram covardemente quatro mulheres em Cruz Alta, estudantes em Bagé e Santa Maria.

A senadora Ana Amélia deve restringir sua oposição ao PT e a Lula no plano do debate das ideias, num ambiente de valorização do pluralismo e da democracia. Ana Amélia, como senadora do Estado, deve um pedido de desculpas ao povo gaúcho, que é pacífico e não é a favor de nenhum tipo de violência.

Pepe Vargas – Presidente do PT RS

Stela Farias – Líder da Bancada do PT na ALRS

Porto Alegre, 26 de Março de 2018