Trinta dias de resistência: seguiremos até que Lula esteja livre!

IMG-20180502-WA0084[1]

Passados 30 dias da prisão política do ex-presidente Lula, sem que seus acusadores apresentassem uma prova sequer dos crimes a ele atribuídos, seguimos nas ruas, em vigília, na defesa da democracia, da justiça, da soberania do país e dos direitos do povo brasileiro. Quando uma pessoa é presa sem que se prove qualquer crime, o direito de todas as pessoas livres está ameaçado! Se fazem com um, podem fazer com todos!

Reafirmamos que a prisão de Lula é política e tem como único objetivo impedi-lo de ser candidato à presidência da República. O STF arquivou inquérito contra Jucá por prescrição após 14 anos; O ex-governador tucano, Eduardo Azeredo, também condenado em segunda instância, segue em liberdade.  Denunciado na lava-jato, o inquérito contra Geraldo Alckmin sequer começou. Diretor da Polícia Federal chegou a admitir para a imprensa que o inquérito contra Temer será arquivado. A investigação contra Fernando Henrique Cardoso também foi arquivada, apesar da delação da Odebrecht. Pedidos de investigação contra Aécio e José Serra também prescreveram e foram arquivados. Todos tucanos, alguns cotados para disputar a presidência da República pelo PSDB.

Conclamamos a militância petista a seguir nas ruas denunciando mais esta etapa do golpe. Seguiremos participando ativamente da vigília Lula Livre e do Acampamento Marisa Letícia em Curitiba. Para manter essa luta coletiva, convidamos a todos e todas a doarem qualquer valor para a conta destinada a financiar as caravanas e os materiais em defesa do companheiro Lula. Se eles têm os milhões do sistema financeiro, mostraremos que somos milhões de brasileiros e brasileiras com suas mentes, pernas, braços e vozes à disposição do presidente Lula. Jamais vão aprisionar os nossos sonhos. Lula livre!

Executiva Estadual do PT/RS